Single post

A relevante importância da Vitamina D na gestação

A deficiência de vitamina D (DVD) é apontada como um problema de saúde pública em muitos países. Estudos recentes têm demonstrado a influência da vitamina D sobre o metabolismo do cálcio e do fósforo é associada com diabetes, doença cardiovascular, doença de Alzheimer, câncer, entre outras doenças sistêmicas, e é considerado um indicador importante da saúde geral. As gestantes, principalmente, têm sido identificadas como um grupo de alto risco.

A principal fonte de Vitamina D para crianças e adultos é a exposição à luz natural, portanto a principal causa da DVD é a diminuição da sua produção endógena. Qualquer fator que afete a transmissão da radiação UVB ou interfira com a sua penetração na pele determinará a diminuição.

O estudo da revista Experimental and Therapeutic Medicine – 2016 foi realizado para determinar o efeito de várias doses de suplementação de vitamina D no metabolismo da glicose, concentração de lipídeos, inflamação e os níveis de estresse oxidativo de gestantes com diabetes mellitus gestacional (GDM).

Ficou provado que a resistência à insulina e colesterol total foram significativamente reduzidos pela suplementação de altas doses de vitamina D. A capacidade total de antioxidantes e os níveis totais de glutationa também foram significativamente elevados como resultado da suplementação da vitamina.

E para os bebes? Evidências recentes apontam que os nutrientes podem modificar a programação imunológica e metabólica durante períodos sensíveis do desenvolvimento fetal e pós-natal. Assim, padrões modernos de dieta poderiam aumentar o risco de desregulação imunológica e metabólica associado ao incremento de uma ampla gama de doenças não comunicáveis. Entre esses nutrientes destaca-se a vitamina D, cujos efeitos sobre a programação fetal e a regulação dos genes poderiam explicar porque ela tem sido relacionada a tantos benefícios para a saúde ao longo da vida.

Paulo Salustiano – Médico
CRM-MT 4110

Leave a Comment